CIVITATE - INCENTIVADORES

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

CAPITÃO DA PM PASSA DE VÍTIMA A ACUSADO DE ROUBO DE MAIS DE 70 ARMAS

"Capitão que teria sido feito refém para roubo de armas é preso em Pernambuco."

"O Capitão da Polícia Militar de Pernambuco, que teria sido sequestrado e forçado a entregar dezenas de armas da corporação a uma quadrilha, acaba de passar de vítima a suspeito de conivência no crime. O Capitão Marcos Vinícius Barros dos Santos foi preso nesta segunda-feira (23/11), em Floresta, depois de a Justiça ter expedido um mandado de prisão preventiva contra ele. O Capitão foi encaminhado para a Delegacia da Polícia Federal em Salgueiro.

Além do Capitão, o irmão dele e outras quatro pessoas foram presas por extorsão mediante sequestro em Pernambuco. A PF disse que o caso está sob segredo de Justiça. Nove mandados de busca e apreensão foram cumpridos nesta terça.

O assalto a quartéis da PM ocorreu na região de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, conhecida como Polígono da Maconha, no dia 12 de outubro. A seus superiores, o Capitão disse que a esposa e a filha teriam sido mantidas reféns enquanto ele foi obrigado a entregar ao bando - um grupo de cinco homens - 71 armas, entre pistolas, fuzis e metralhadoras de cinco batalhões da PM em Salgueiro e nas cidades de Verdejante, Terra Nova, Serrita e Parnamirim. A ação durou seis horas.

De acordo com o Capitão, três bandidos armados com pistolas invadiram a casa dele. A mulher e duas filhas do oficial teriam sido feitas reféns. Em seguida, os bandidos exigiram que o Capitão conseguisse mais armas. O militar pegou o seu carro e foi com dois soldados que não sabiam do sequestro a quatro batalhões de cidades vizinha. Na coleta das armas, todos agiram como se fosse uma missão normal. Depois, foram ao batalhão de Salgueiro. O Capitão disse que após isso, foi sozinho deixar o carro com as armas numa rodovia, num local combinado com os bandidos. Só então a família dele teria sido libertada.

A Polícia Federal acredita que as armas poderiam ser enviadas para quadrilhas que atuam em São Paulo."

(Fonte: PE 360, CBN e O Globo)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.