CIVITATE - INCENTIVADORES

sábado, 28 de agosto de 2010

DENÚNCIAS CONTRA O GOVERNO DO CEARÁ COMEÇAM A SER RELEMBRADAS NA CAMPANHA ELEITORAL

- Candidatos ao Governo do Ceará em 2010 -

Denúncias graves que envolvem a atual gestão do Governo do Ceará entre 2007 – 2010 começaram a ser relembradas pelos concorrentes ao cargo majoritário nesse atual período da campanha eleitoral. As denúncias envolvem desde críticas relativas à área da Segurança Pública, como o fato do Programa Ronda do Quarteirão haver formado sua primeira turma com carga horária reduzida para pouco mais de 600 horas/aulas em três meses; a reforma milionária do Estádio Castelão; compras sem licitação; Roubos de armas nos Quartéis da PM; Contratos milionários, como o da Newland; prisão da cúpula da SEMACE pela PF; denúncia da Revista Veja dando contra que o Governador comprou um Apartamento milionário em Nova Iorque, dentre outras.

Entretanto, outros fatos já despontam e já foram relembrados nos últimos comícios oposicionistas e principalmente na internet, e ao que tudo parece, agora prometem esquentar os debates e a propaganda eleitoral.

Vejamos quais fatos estão sendo relembrados:

  • REVISTA VEJA LEVANTA SUSPEIÇÕES SOBRE COMPRA DE LIVROS DIDÁTICOS NA GESTÃO CID

A Revista Veja desta semana traz tópico sobre o Governo Cid Gomes e compra de livros didáticos. O título mostra bem a forma como a publicação trata o governador, mas, principalmente, o irmão do presidenciável Ciro Gomes (PSB). Confira:

Papai Noel da caatinga

Há um ano, o governador do Ceará, Cid Gomes, dispensou uma licitação de compra de livros didáticos para fechar um contrato de 7,5 milhões de reais com a editora Aprender. A empresa é ligada a Edgar Linhares, que preside o Conselho de Educação do Ceará e foi assessor de Cid Gomes quando o político era prefeito de Sobral. O Tribunal de Contas do estado considerou que a operação fora irregular e só não mandou cancelá-la porque isso deixaria os alunos sem livros no meio do ano letivo. Na semana passada, Cid mostrou que não está nem aí para o tribunal. Dispensou outra licitação, desta vez de 5,8 milhões de reais, para comprar mais livros da editora Aprender.
(Blog do Eliomar de Lima às 08:25 – 20 de dezembro de 2008)

  • EXAME DE DNA - AINDA RENDE EPISÓDIO EM QUE CID SE COMPAROU A COCÔ DE CAVALO

E repercute nos meios políticos e empresariais episódio nada agradável registrado nesta semana entre o governador Cid Gomes (PSB) e o presidente da Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará (Etice), Fernando Carvalho. Foi durante a cerimônia de assinatura da ordem de serviço para a instalação da roda óptica do Cinturão Digital. E tudo por conta de quem era o "Pai da criança", ou seja, do projeto. A cena ocorreu quando Fernando Carvalho, empolgadíssimo, afirmou que a idéia era de sua autoria e que Cid entrou como patrocinador da iniciativa. O dirigente da Etice até admitiu que o governador foi essencial para o início da instalação do Cinturão, mas a classificação de simples "financiador" não agradou em nada ao chefe do Executivo. Incomodado, Cid reagiu e, em tom de reprovação e sarcasmo, disparou: "O amigo me resumiu a um simples cocô de cavalo!". E garantiu: "A idéia é minha!"
(Postado no Blog do Eliomar de Lima às 08:48 – 19 de dezembro de 2008)

  • PRESO MORRE DENTRO DE CARRO DO RONDA

Preso morreu no interior de Hilux do Ronda do Quarteirão. Ele teria passado quatro horas algemado no xadrez do veículo.

Um usuário de crack morreu no interior de um veículo Hilux do Ronda do Quarteirão, na noite do último sábado, após ter sido detido na Pajuçara, em Maracanaú, na Região Metropolitana, por crime de dano ao patrimônio alheio e desobediência à autoridade policial. O POVO apurou com familiares e testemunhas que Francisco Gleison Sales da Silva, 26 anos, chegou a ser conduzido à Delegacia Metropolitana de Maracanaú, para procedimento de Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO), mas o delegado Delmiro Zamenrosf teria se recusado a assinar o documento ao ser informado que o preso estaria morto. Os policiais então levaram o corpo até o Hospital Municipal de Maracanaú, que também não foi recebido. Segundo o Departamento de Serviço Social do hospital, a situação estava "meio estranha". O corpo acabou mesmo no Instituto Médico Legal (IML) para necropsia.

De acordo com o relatório da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), o Ronda do Quarteirão foi chamado por moradores da rua São Sebastião, para atender a uma ocorrência contra um homem, em "estado alterado" por uso de substância química, que corria sobre o telhado de três casas. Segundo ainda o relatório, ao ser preso o homem teria mordido o braço de um policial. Segundo ainda o relatório, após ser feito o TCO o homem teria tido um mal súbito e morreu a caminho do hospital.

A versão de familiares e testemunhas contradiz o relatório da Ciops em alguns pontos. De acordo com eles, Francisco Gleison passou cerca de quatro horas algemado nos braços e nas pernas, no xadrez do veículo do Ronda do Quarteirão. Nesse intervalo de tempo, o veículo ficou parado na delegacia, enquanto os dois policiais, três testemunhas de acusação e o pai e uma irmã do acusado aguardavam o atendimento. Após algum tempo, os policiais disseram que iriam medicar o acusado, quando aproveitaram para uma troca de expediente. Dois outros policiais retornaram com a viatura.

Segundo ainda familiares e testemunhas, o xadrez do veículo somente foi aberto depois de mais algum tempo, após muita insistência do pai do acusado, que estranhou o silêncio no interior da Hilux. O POVO apurou ainda que Francisco Gleison levou uma queda do alto de uma das casas, antes de ser preso. De acordo com o IML, a causa da morte do acusado deverá ser divulgada em 20 dias.

O POVO tentou entrar em contato com o comandante do Ronda do Quarteirão, coronel Túlio Studart, mas seu celular não foi atendido. O relações públicas da Polícia Militar, major Marcos Costa, disse que uma posição oficial deverá ser apresentada hoje. O delegado Delmiro Zamenrosf não foi localizado para comentar sobre o procedimento na delegacia. A equipe do plantão do domingo informou que não havia como checar se o delegado havia se recusado a assinar o TCO, mas assegurou que não havia registro de ocorrência com algum acusado de nome de Francisco Gleison.

E-MAIS

Francisco Gleison Sales da Silva trabalhava como feirante na Ceasa, em Maracanaú, onde vendia uvas e goiabas. Era casado e tinha quatro filhos. O mais novo com dois meses de vida.

Segundo familiares e vizinhos, "ele só fazia mal a ele mesmo quando usava crack". Por conta das alucinações, segundo ainda familiares e vizinhos, ele dizia que alguém estaria em sua perseguição para matá-lo, por isso corria o tempo todo.

Uma pessoa da família contou ao O POVO que ele passou a consumir crack a partir das 13 horas de sábado. De acordo com a família, ele era usuário da droga há pouco mais de um ano.
(Nicolau Araújo - O Povo - 10/03/2008)

  • POLICIAL DO RONDA DISPARA REVÓLVER EM DELEGACIA E FERE MULHERES

Depois da morte do comerciante Francisco Gleison Sales da Silva, no último dia 8, dentro do xadrez de uma viatura do Ronda do Quarteirão, em Maracanaú, policiais integrados ao programa voltam a se envolver num episódio em que o treinamento dos profissionais é questionado. Desta vez, o fato aconteceu dentro de uma delegacia de Polícia.

No 30º Distrito Policial (DP), no Conjunto São Cristóvão, a doméstica Francisca Teixeira da Silva, de 34 anos, e a adolescente C.S., de 16 anos, foram atingidas por estilhaços, após o disparo acidental da arma de um suspeito detido por policiais militares poucos momentos antes. Segundo a Polícia, no momento do disparo, a arma estava com o soldado PM do Ronda do Quarteirão, Davi Cavalcante Nascimento.

Acidente

De acordo com informações de testemunhas, o policial manuseava o revólver calibre 38 do suspeito quando, de repente, a arma disparou, ferindo as duas mulheres. Elas foram socorridas para o hospital Frotinha de Messejana e, posteriormente, liberadas.
O fato aconteceu por volta das 23h30 de quinta-feira (13), pouco tempo depois da chegada ao 30º DP do rapaz identificado como Cristiano Teixeira da Silva, de 19 anos.
Ele foi detido por policiais do Ronda do Quarteirão no bairro São Cristóvão sob a acusação de porte ilegal de arma em via pública.

Feridas

A mãe do acusado, Francisca Teixeira da Silva, e sua cunhada, Camila da Silva, souberam da ocorrência e se dirigiram à delegacia para inteirar-se sobre o porquê da prisão. Ali, as duas mulheres acabaram feridas acidentalmente.A ocorrência foi registrada pelo delegado plantonista, Carlos Eduardo Pires Rocha.As vítimas optaram por não registrarem queixa contra o policial militar que disparou a arma do preso, embora tenham sido ouvidas sobre o fato pelo delegado Carlos Eduardo.

Segundo ele, "as duas mulheres têm um prazo de até seis meses para formular uma representação contra o policial, que neste caso, poderá responder pelo crime de lesão corporal culposa".
(Diário do Nordeste - 15/03/2008)

  • PORTEIRO DIZ QUE FOI ESPANCADO POR POLICIAIS DO RONDA

Um porteiro se diz agredido por policiais do Ronda do Quarteirão, no último fim de semana, em ocorrência no Bom Jardim. Na madrugada de domingo, o porteiro de 30 anos, que trabalha há mais de cinco anos em um condomínio no Meireles, foi detido sob acusação de tentativa de furto. Segundo o porteiro, ele havia saído de um pagode quando passou a ser perseguido por dois homens. Para tentar escapar do que acreditava ser uma abordagem de assalto, escalou o muro de uma residência, na avenida Bom Jesus, e ficou em cima do telhado. De acordo ainda com o porteiro, ele mesmo começou a alarmar como forma de afastar os prováveis perseguidores. O barulho chamou a atenção dos proprietários da residência e de alguns vizinhos. Os proprietários avisaram que iriam acionar o Ronda do Quarteirão.

Segundo o porteiro, ele mesmo pediu que chamassem a Polícia para uma busca na área à procura dos supostos assaltantes. Mas ao chegarem os policiais não teriam lhe dado chance de explicar a situação. O algemaram e o levaram para o 12º Distrito (Conjunto Ceará). Na delegacia, conforme o porteiro, os policiais passaram a espancá-lo com chutes, socos e tapas para que ele assinasse uma confissão por tentativa de furto.

"Como ele (porteiro) não assinou a confissão, os policiais o mandaram embora pela manhã. Mas ele insistiu em mostrar para os policiais que não era bandido, mas trabalhador. Mesmo ameaçado, conseguiu ligar de um telefone comunitário para o síndico do prédio. O síndico foi até a delegacia e prestou informações a favor dele", contou uma moradora do condomínio, onde o porteiro trabalha. "Ele (porteiro) está com muitos hematomas e com dificuldade para caminhar. Mesmo assim, não quer representar queixa contra os policiais. Mas gostaria que os policiais tivessem mais responsabilidade nas abordagens e no tratamento aos suspeitos", completou a moradora.

O POVO entrou em contato com o 12º Distrito, mas um inspetor disse que não tinha conhecimento da suposta ocorrência, por se tratar de um caso que teria acontecido no plantão de uma outra equipe.

E-MAIS

Outros dois casos de violência policial foram registrados no fim de semana. No bairro Ellery, policiais do Ronda do Quarteirão teriam invadido uma residência e espancado o morador, após reclamações de som alto, na noite de domingo. Um policial ainda efetuou um disparo para chão e os estilhaços atingiram o braço do morador e de um outro homem. A ação foi presenciada por vários vizinhos. Ninguém foi preso.
(O Povo - 09/02/2009)

  • MORADORES RECLAMAM DE ABORDAGENS DO RONDA DO QUARTEIRÃO

Moradores da rua Gonçalo Alves Rodrigues, no Pici, reclamam da abordagem realizada por policiais do Ronda do Quarteirão naquela área, na noite de ontem. Acionados para atender a uma ocorrência de estupro, os PMs teriam espancado, a golpes de cassetetes, cinco pessoas que não tinham ligação alguma com o caso. A costureira Lucimar de Freitas afirma ter sido agredida na perna. Segundo o relato dela, o irmão e o sobrinho também foram espancados, com golpes nos braços. O caso mais grave foi o do supervisor de área Rivaldo Epifânio, submetido a uma cirurgia no rosto por causa das agressões sofridas. O comandante operacional do Ronda do Quarteirão, Túlio Studart, disse que, de acordo com os policiais, eles foram recebidos com paus e pedras pelos moradores. A Polícia se manifestará oficialmente sobre o caso hoje. O 12º DP (Conjunto Ceará) está investigando a denúncia.
(O Povo - 09/02/2009)

  • PM’s DO RONDA SÃO SUSPEITOS DA MORTE DE DOENTE MENTAL

Policiais do Ronda do Quarteirão, do Jardim Iracema, foram acusados por moradores do bairro de espancarem e causarem a morte de Francisco Rogério Pinheiro, 28. A vítima sofria de transtornos mentais e, após invadir residências, teria sido espancada pelos PMs. Depois apareceu morta dentro de casa.
(Diário do Nordeste – 27 de fevereiro de 2009)

  • VIOLÊNCIA ENVOLVENDO POLICIAIS DO RONDA

Uma denúncia envolve três policiais da última turma do ronda do quarteirão. A vítima tinha se envolvido em uma briga, em Fortaleza. A polícia foi acionada, mas os policiais, em vez de resolver o problema, de encaminhar o caso para a delegacia, teriam partido para a violência.

A violência foi registrada pela câmera de um celular. O homem, que não quer ser identificado, denuncia que foi espancado por policiais do ronda do quarteirão, que trabalham no bairro Vicente Pinzon. O vídeo mostra primeiro dois policiais. Um terceiro chega e continua a pancadaria.

Dois dos policiais foram identificados e os nomes dos supostos agressores foram registrados em um boletim de ocorrência. A mulher da vítima assistiu às agressões.

Após a ação, o homem foi levado ao 9º distrito policial e encaminhado ao 2º, que estava de plantão. Embora machucado, ele só recebeu atendimento horas depois e precisou ficar internado no IJF.

Nossa equipe de reportagem procurou os delegados do 2º e 9º distritos policiais, mas nenhum quis gravar entrevista. Em nota, a Secretaria de Segurança Pública informou que a denúncia foi encaminhada a corregedoria para investigação.

Se comprovada a agressão, um inquérito policial militar vai ser aberto contra os agressores. Até lá, os PM’s vão continuar trabalhando normalmente.

O irmão da vítima registrou o caso na comissão de direitos humanos da Assembléia Legislativa. Para a família, houve despreparo por parte da polícia.

O prazo para a abertura do inquérito é de no máximo 30 dias, a contar da liberação do relatório final da corregedoria.
(CETV - TV Verdes Mares – Canal 10 – 2ª Edição – 05/05/2010)

  • DUAS PERGUNTAS SOBRE LICITAÇÃO DA SSP DO CEARÁ

Contratada sem licitação pela Secretaria de Segurança Pública do Estado, a Fundação Universidade de Brasília organizará e realizará o concurso público para o preenchimento de duas mil vagas de Soldado PM da Polícia Militar do Ceará. Surge a primeira pergunta: não há aqui no Ceará uma instituição capaz de realizar um concurso assim? A Fundação UNB também treinará os aprovados. Aí surge a segunda pergunta: como serão dois mil treinandos, de onde virá tanta munição para os exercícios de tiro? São apenas duas de 12 perguntas que especialistas no assunto mandaram, via e-mail, para este blog.
(Egídio Serpa – Diário do Nordeste - Publicado às: 6:37 • 04/12/2008)

  • MORTES DENTRO DOS QUARTÉIS DA POLÍCIA MILITAR DO CEARÁ EM 2009 ASSUSTAM

Os 03 (três) casos de mortes registradas somente neste ano de 2009 dentro dos Quartéis da Polícia Militar do Ceará atormenta e assusta a tropa da Corporação e seus respectivos familiares.
Em 2009 já foram registrados um assassinato de um Cabo PM pelos próprios companheiros dentro do Quartel do 2º BPM, em Juazeiro do Norte - CE, o suícídio de um Sargento no seu Posto de Serviço dentro do Quartel do Colégio da Polícia Militar, no bairro de Antônio Bezerra, em Fortaleza - CE e o suicídio do Cabo PM FRANCISCO S. F. ARAÚJO, na tarde de ontem (06/11/), dentro do Quartel da 1ª Companhia do 5º BPM, no bairro da Aldeota, também em Fortaleza.Esse volume de casos deixa atônita toda a comunidade policial militar, que vem passando por uma série de dificuldades até agora insanáveis e que atinge em cheio os seus corações e mentes.

OUTROS CASOS:

  • TRÁFICO: ROBERTO PESSOA ACUSA FILHO DE ARIALDO DE TER PROTEÇÃO POLICIAL

(Antonio Oliveira - Site Ceará Agora - http://www.cearaagora.com.br - 21/10/2009 - 08:13)

  • NOVA VIAGEM DA PRIMEIRA-DAMA DO CEARÁ AO EXTERIOR VIRA ASSUNTO NACIONAL

(Blog do Eliomar de Lima - 7 de novembro de 2009 às10:33)

  • VEJA DENUNCIA "ATO MEIO SECRETO" DO GOVERNADOR CID GOMES

(Luciano Augusto – Ceará Agora - 25/07/2009 - 05:50)

  • GOVERNO DO CEARÁ PAGA VIAGENS DA MULHER E DA SOGRA DE CID

(Isabela Martin - 27/07/2009 - 23h41m)

  • QUEDA DE HELICÓPTERO DA CAMPANHA DE CID GOMES AINDA SEM RESPOSTAS

(Blog do Eliomar de Lima - 19 de setembro de 2009 - 9:47)

Um comentário:

  1. como vc quer conquista apopulaçao desta forma

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.