CIVITATE - INCENTIVADORES

NOTÍCIAS ON LINE

Loading...

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

PLANO OPERACIONAL - PASSO-A-PASSO PARA SUA CONFECÇÃO

O Plano é o resultado do planejamento.

Plano – Formulação do resultado final da utilização de determinada metodologia. Documento formal que consolida informações, atividades e decisões desenvolvidas no processo.

Plano de Ação – Corresponde ao conjunto das partes comuns dos diversos projetos quanto ao assunto que está sendo tratado (recursos humanos, tecnologia etc).

Abreviaturas

As abreviaturas são empregadas para economizar tempo e espaço sem prejuízo da clareza. Podem ser utilizadas sistematicamente em qualquer plano, ordem e seus anexos. Pode-se utilizar o padrão gramatical da língua portuguesa ou neologismos convencionais aceitos e de domínio institucional ou público.

Formato

Convencional, A 4, Livreto...

Fonte

Times New Roman, Arial, Courrier...

Tamanho da Fonte

10, 12, 14...

Alinhamento

Pela Esquerda ou Justificado;

Divisão, Parágrafos, Sub-parágrafos, itens, subitens, incisos, alíneas...

Exemplos:
1.
a.
1)
a)
b)

b.
1)
a)
b)
c)
(1)
(2)
(a)
(b)
Observação: Pode-se usar a normatização contida na Lei Federal Complementar Nº 95, de 26 de fevereiro de 1998 (conforme o art. 59 da Constituição Federal).

Data/hora

Para efeito de codificação e uniformização, usa-se as DATA e HORA escritas num só bloco composto de algarismos e as três letras iniciais do mês.
Exemplo:
140800AGO06 – Lê-se: às 08h00min do dia 14 de agosto de 2006.

Indicação das Páginas

A segunda e as demais páginas dos Planos, Ordens, Anexos, etc, levam um título abreviado de identificação no alto da página, podendo ser centrado ou à direita. Exemplo:
Anexo “A” – Oop 08/2006/DTO/SPC – Fls. 03 ou Fls 03/10.

Ordenação dos Anexos, Apêndices, Adendos, Aditamentos

Os Anexos podem ser classificados por ordem alfabética A, B, C... Ademais devem ser postos também em ordem alfabética ou por importância documental.
Exemplo:
Anexo A – Croquis
Anexo B - Itinerários
Anexo C – Relação de Viaturas

Os Apêndices, complemento dos Anexos, são classificados com algarismos arábicos.
Exemplo:
Apêndice 1 – Rede de Rádio;
Apêndice 2 – Roteiro provável fuga, e complemento ao croqui no anexo “x”.

Os Adendos são complementares dos apêndices, sendo colecionados em ordem alfabética, como os anexos.
Exemplo:
Adendo A – Principais estações de rádio ao apêndice “x”.

Os Aditamentos são acréscimos necessários à ampliação dos Adendos, podem ser numerados seguidamente com algarismos arábicos como os Apêndices.
Exemplo:
Aditamento 1 – Horário de operações, ao Adendo “x”; Principais estações de rádios, ao Apêndice 1, Rede Rádio Policial Civil, ao Anexo E, Comunicações, à Ordem de Operações Nº “x”.

Numeração dos Exemplares

Sempre que houver mais de um exemplar, além do original e cópia para distribuição, deverão eles ser numerados sucessivamente da seguinte maneira:
Exemplar nº _____de_____cópias.

Plano de Operações

Um Plano Operacional para ser posto em prática, notadamente nos eventos que se repetem no tempo, deverão ser efetivados os ajustes necessários impostos pelas mudanças no que se referem a efetivos, viaturas, comunicações e novos procedimentos que a situação mostrar necessários.
Um Plano Operacional é composto de:
Cabeçalho
Composição de Meios
Situação (Forças Antagônicas; Forças Amigas; Hipóteses)
Justificativas (locais de atuação e medidas a serem adotadas)
Missão
Execução (Conceito da Operação; Responsabilidades Operacionais; Duração; Efetivos; Medidas Complementares)
Administração (Transporte; Alimentação; Armamentos; Equipamentos; Aprestos; Uniformes; Outros Materiais etc)
Ligações
Comunicações.

(Fonte: Planejamento Operacional - CEL PM Adail Bessa de Queiroz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.