CIVITATE - INCENTIVADORES

quinta-feira, 3 de junho de 2010

JESUS CRISTO, FILHO ÚNICO DE MARIA!

"Muito de nossos irmãos protestantes, dizem que Maria a Mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo, teve sua importância somente para fazer gerar o Filho de Deus, alegando que após o nascimento de Jesus Cristo, Maria foi seguir sua vida na companhia de José, onde tiveram outros filhos, sendo eles: Thiago, Joset, Simão e Judas.


Vejamos os textos Bíblicos alegados por nossos irmãos protestantes sobre a Maternidade Biológica de outros filhos: São Mateus. 12. 46-49 Jesus ainda estava falando às multidões. Sua mãe e seus irmãos ficaram no lado de fora, procurando falar com ele, alguém disse a Jesus: “Olha! Tua “mãe e teus irmãos estão ai fora, e querem falar contigo. Jesus perguntou aquele que tinha falado: “Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?” E, estendendo as mãos para os discípulos, Jesus disse:“ Aqui estão minha mãe e meus irmãos”. 13.55. “Esse homem não é o filho do carpinteiro? Sua mãe não se chamava Maria, e seus irmãos não são Tiago, José, Simão e Judas.


Evidencia-se nos textos aqui apresentados, os pais dos supostos irmãos de Jesus, filho de Maria: São João. 18. 25-27A mãe de Jesus, a irmã da mãe dele, Maria de Cléofas, e Maria Madalena estavam junto à cruz. Jesus viu a mãe e, ao lado dela, o discípulo que ele amava. Então disse a mãe: Mulher, eis aí o seu filho”. São Mateus 28.1:Depois do sábado, ao amanhecer no primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver a sepultura.” 4. 18-22. Jesus andava a beira do mar da Galiléia quando viu dois irmãos: Simão, também chamado, e seu irmão André. Estavam jogando a rede no mar, pois eram pescadores. Jesus disse para eles: “Sigam-me, e eu farei de vocês pescadores de homens. Eles deixaram imediatamente as redes, e seguiram a Jesus. Pedro Indo mais adiante, Jesus viu outro dois irmãos; Thiago e João, filhos de Zebedeu. Estavam na barca com seu Pai Zebedeu, consertando as redes. E Jesus os chamou. Eles deixaram imediatamente a braça e o pai, e fora a Jesus”. 27. 56. Entre elas estavam Maria, mãe de Tiago, e de José, e a mãe dos filhos de Zebedeu. São Marcos. 15. 40-41. “Aí estavam também algumas mulheres, olhando de longe. Entre elas estavam Maria Madalena, Maria, mãe de Tiago, o menor, e de Joset, e Salomé. Elas haviam acompanhado e servido a Jesus desde quando ele estava na Galiléia. Muitas outras mulheres estavam aí, pois tinham ido com Jesus a Jerusalém”. 16. 1. “Quando o sábado passou, Maria Madalena, Maria, mãe de Tiago, e Salomé, compraram perfume para ungir o corpo de Jesus”. São Lucas. 24. 9-10. “Voltaram do túmulo e anunciaram tudo isso aos onze apóstolos, bem como a todos os outros. Eram Maria Madalena, Joana, e Maria, mãe de Tiago. Também as outras mulheres que estavam com elas contaram essas mesmas coisas aos apóstolos”. São Lucas. 6.16. Judas, filho de Tiago, e Judas Iscariotes, aquela que se tornou traidor. São João 14.22. João, não o Iscariotes, perguntou: “Senhor, por que vais manifestar-te a nós e não ao mundo?”


Após a identificação da maternidade dos supostos irmãos de Jesus Cristo, fico convencido de que Maria não somente gerou Jesus Cristo como também cuidou com muito Amor e carinho, bem como anunciou o profeta Isaias, 7.14-15. “Pois saibam que Javé lhes dará um sinal: A jovem concebeu e dará à luz a um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. Ele vai comer coalhada e mel até que aprenda a rejeitar o Mal e escolher o bem”. Evidenciam-se nas citações bíblicas supracitadas, a existência do termo: SEUS IRMÃOS, fazendo referência ao vínculo espiritual e não biológico, como querem os nossos irmãos protestantes fazer Maria, a Mãe do Meu Salvador.


Podemos ver em grandes pregações pastores fazendo referência a grandes mulheres citadas na Bíblia Sagrada como exemplo Ruth, Abigail, Judite, Ester, Maria Madalena (irmã de Lázaro) Maria Madalena, (a prostituta) e tantas outras.


Sem a intenção de gerar controvérsia, finalizo essa reflexão com um texto escrito no Livro de São Mateus: 22. 29. “Jesus respondeu: Vocês pecam porque não conhecem as Escrituras, nem a Palavra de Deus”.


Com tudo, declaro aos meus Irmãos Protestantes, todo o meu Amor e minha Admiração, pois o que nos une é maior do que nos separa."


(Fonte: Via e-mail do Rocha - darochabm@yahoo.com.br)


2 comentários:

  1. lembrando que os nomes, THIAGO, JOSÉ, SIMÃO e JUDAS e outros eram comum na época como até hoje.

    ResponderExcluir
  2. As escrituras também não dizem que Jesus foi o primogênito de Maria e unigênito de Deus? E que José não conheceu Maria até que Jesus nascesse? E, finalizando, qual o desmérito ou empecilho em Maria ter consumado o casamento com José? Mateus 22.29

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.