CIVITATE - INCENTIVADORES

sexta-feira, 25 de junho de 2010

TIROS CONTRA A CASA DO COMANDANTE GERAL ADJUNTO DA POLÍCIA MILITAR DO CEARÁ

"Tiros na residência. Atentado ao subcomandante."

"Disparos de pistola de calibre Ponto 40 foram efetuados na porta da casa do coronel chefe do Estado-Maior da PM.

Depois de um delegado da Polícia Civil ter tido sua residência, no Eusébio, invadida por bandidos armados de pistolas, que fizeram reféns uma família inteira, no começo da semana, ontem, foi a vez de um oficial da Polícia Militar, que ocupa o segundo cargo mais alto dentro da corporação, se tornar alvo da violência em Fortaleza. Durante a madrugada, a residência do coronel Hélio Severiano Vasconcelos Júnior, subcomandante da PM e chefe do Estado-Maior, teve a fachada de sua casa crivada de balas.

Segundo testemunhas, por volta das duas horas, um homem em uma moto, usando capacete, efetuou três disparos contra o portão de alumínio da residência do oficial, localizada no bairro Henrique Jorge.

As marcas de bala podiam ser vistas ontem pela manhã no portão. Uma delas ainda atingiu uma janela e o veículo Pálio prata de placa HVX-4466, que estava na garagem.

Calibre

Conforme informações obtidas pela Reportagem, três cartuchos de pistola calibre Ponto 40 (arma de uso exclusivo da Polícia) foram encontrados no local. "Estamos analisando todos os detalhes e vamos ainda confirmar o tipo de arma que foi utilizada nos disparos", disse a perita criminal Sônia Silva, da Coordenadoria de Criminalística da Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). O material deverá ser encaminhado à Polícia Civil para subsidiar a investigação do caso.

A reportagem tentou manter contato com o oficial, mas ele não estava em sua residência ontem pela manhã. Uma mulher e uma jovem, que atenderam gentilmente à equipe, informaram que ele tinha saído para prestar queixa sobre o ocorrido.

No 27º DP (João XXII), até as 10 horas de ontem, os policiais civis não tinham tomado conhecimento da ocorrência e a delegada Marília Fernandes, titular da distrital, que havia saído do plantão pela manhã, não tinha retornado.

Policiais do Serviço de Inteligência do Comando-Geral da PM também foram mobilizados para o local onde ocorreu os disparos. Investigações estão sendo feitas em sigilo.

Até a noite passada, o Comando-Geral da PM não havia se pronunciado oficialmente sobre o caso. Moradores próximos ao local também não quiseram falar sobre o suposto atentado.

Como chefe do Estado-Maior da Polícia Militar, o coronel Severiano é um dos responsáveis pela disciplina da tropa.

Delegado

Policiais civis da Delegacia Metropolitana do Eusébio (DME) continuam em diligências na tentativa de localizar os três bandidos que fazem parte de uma quadrilha apontada como a responsável por diversos assaltos ocorridos, nos últimos meses, naquele Município e em cidades próximas, como Aquiraz, Itaitinga, Horizonte, Pacajus e Pindoretama. O bando é acusado de ter sido o autor da invasão à casa do delegado Hélio Marques de Carvalho. O fato aconteceu na noite de segunda-feira passada (21). Quatro bandido invadiram o imóvel e renderam a mulher do delegado, a empregada doméstica e uma visita. A filha do casal, de apenas um ano e sete meses, estava dormindo no quarto, no primeiro andar.

O delegado trocou tiros com os assaltantes e conseguiu ferir um deles. Os demais fugiram ilesos. Mais tarde, o bandido baleado acabou sendo reconhecido e preso no Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro). Trata-se do assaltante e foragido da Justiça, Francisco Rafael da Silva, 20, acusado de crimes como assaltos, tráfico de entorpecentes e homicídios.

Foragidos

Segundo a Polícia, fazem parte da quadrilha os bandidos Vítor Antônio da Silva Oliveira, o "Salsicha"; Carlos Antônio da Silva de Morais, o "Dante"; e Francisco Wellington da Silva Justino, o "Etim". Os três continuam foragidos e sendo caçados.

PROTAGONISTA

Disciplinador

Cel. Hélio Severiano Vasconcelos Júnior

Segundo homem na hierarquia da Polícia Militar do Ceará, o oficial é também o responsável pela ordem e disciplina da tropa. Além de ser o substituto natural do comandante-geral, trata das punições aos militares que praticam transgressões."

(Fonte: Fernando Ribeiro e Nathália Lobo - Diário do Nordeste)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.