CIVITATE - INCENTIVADORES

terça-feira, 29 de junho de 2010

BANDIDOS INVADEM CIDADES DO CEARÁ E FAZEM "ARRASTÕES"

Nesta terça-feira (29/06), mais duas cidades do interior do Ceará voltaram a ser sitiadas por quadrilhas de bandidos que provocaram assaltos, levando pânico às populações locais porquanto usaram de extrema violência na execução das ousadas ações criminosas. As cidades de Monsenhor Tabosa, nos sertões de Crateús e de Quixeré, no Vale do Jaguaribe, foram tomadas pelos assaltantes.

MONSENHOR TABOSA - CE

"Sete homens fortemente armados usando fuzis e pistolas, efetuaram um audacioso assalto a uma agência bancária na cidade de Monsenhor Tabosa, os assaltantes usaram de bastante violência, chegando a efetuar vários disparos dentro da agência. Os bandidos violaram vários caixas eletrônicos e levaram todo o dinheiro da agência, já que hoje era dia de pagamento.

Os bandidos empreenderam fuga usando uma frontier de cor verde, e levaram dois funcionários, a gerente conhecida como Olavia, e Francisco, que trabalha no caixa. Ambos já foram libertados.

A polícia suspeita de ser a mesma quadrilha que aproximadamente a um ano atrás, realizou um assalto na mesma agência, na outra oportunidade os assaltante chegaram a cortar o sinal de telefone, e conseguiram levar uma boa quantia de dinheiro.

A quantia levada pelos assaltantes ainda não foi revelada. A gerente que está bastante chocada com o fato, ainda não realizou, juntamente com os outros funcionários, o levantamento a respeito da quantia certa que foi levada pela quadrilha de assaltantes."

Este é o 12º banco assalto à banco no interior do Ceará somente em 2010. Os outros casos foram registrados nas cidades de Pedra Branca (2), Banabuiú, Novo Oriente (2), Aiuaba, Guaraciaba do Norte, Saboeiro, Nova Russas, Orós e Piquet Carneiro.

QUIXERÉ - CE

"Um grupo de assaltantes roubou uma ótica localizada na cidade de Quixeré, distante 176 quilômetros de Fortaleza, na manhã desta terça-feira (29/06). Vários objetos, como relógios e óculos, foram levados.

Inicialmente, o bando iria assaltar uma agência do Banco do Brasil da cidade, mas ela estava fechada. A quadrilha seguiu, então, para roubar uma Casa Lotérica. Lá, não encontraram dinheiro, porque o banco não havia feito nenhum repasse. Foi quando decidiram ir a uma ótica.

Eram 9 horas da manhã e o estabelecimento estava em pleno funcionamento, com clientes e funcionários dentro da loja, quando os assaltantes chegaram anunciando a ação. Ninguém saiu ferido."

(Fonte: Crateús News, Jangadeiro online)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.