CIVITATE - INCENTIVADORES

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

INCÊNDIO EM PRESÍDIO MATA DEZENAS


O número de mortos em um incêndio nesta quarta-feira (o8/12) em uma prisão em Santiago do Chile subiu a 83, com a morte de dois feridos que estavam hospitalizados, segundo o presidente Sebastián Piñera.

O fogo destruiu a cadeia de San Miguel, que abriga 2.900 presos, durante a madrugada. As chamas teriam começado às 5h, após uma queima de colchões durante uma briga entre detentos.

A maioria dos presos morreu vítima de asfixia.

Pelo menos 14 pessoas ficaram gravemente feridas com queimaduras e foram socorridas a hospitais próximos.

Dezenas de parentes de presos estavam no exterior do prédio, que fica no sul de Santiago, à espera de notícias. O policiamento no local foi reforçado.

Esta quarta-feira, feriado no Chile, era dia de visita, o que explica o grande número de familiares desde cedo diante da penitenciária.

O ministro da Justiça, Felipe Bulnes, anunciou uma investigação para averiguar as causas do incêndio.

A maior tragédia em uma prisão chilena até hoje havia acontecido em 2001, quando 26 detentos morreram em um incêndio na penitenciária de Iquique, a 1.800 km ao norte de Santiago.

O incêndio na penitenciária de San Miguel é a terceira grande tragédia do Chile em 2010, depois do terremoto de 27 de fevereiro e do acidente da Mina de San José, quando 33 mineiros ficaram presos e foram resgatados depois de passar dois meses debaixo da terra.

(Fonte: Agências internacionais e G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.