CIVITATE - INCENTIVADORES

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

POLICIAL FEMININA É EXPULSA DA PM ACUSADA DE ASSALTOS

O Comandante Geral da Polícia Militar do Piauí, Coronel Francisco Prado Aguiar, excluiu a bem da disciplina, dos quadros da Corporação, a Soldado PM Aglacy Nobre Arraes, do Batalhão de Polícia de Guardas (SASC/BPGDAS), após Processo Administrativo Disciplinar instaurado em 02/09/2009. A Portaria de nº 571 foi publicada no Diário Oficial do Estado do Piauí na edição de 20/12/2010.

Segundo a portaria, a policial militar infringiu o Estatuto dos Policiais Militares do Piauí por envolvimento em práticas delituosas ocorridas em Parnaíba-PI, tais como o roubo de um aparelho celular, participação em assalto a um posto de gasolina e de numerário de um loja de peças para motos, bem como por ter sido autuada em flagrante e indiciada em inquérito policial instaurado no 2º DP de Parnaíba, por prática de posse ilegal de arma de fogo usada na prática de crimes.

Segundo a Portaria estes fatos "maculam à imagem da instituição, com ofensa à honra pessoal, ao pundonor policial-militar, ao decoro da classe e aos princípios éticos, previstos no art. 14, item 2, do anexo do Decreto nº 3.548/80, de 16/07/81 (Regulamento Disciplinar da Polícia Militar do Piauí – RDPMPI) " finaliza.

Uma da vítimas, Régis Souza da Silva, proprietário da loja de peças "Régis Motos", narrou a autoridade policial que no dia 22/12/2008, quando se dirigia ao Banco do Brasil com R$ 42.900,00, foi interceptado por dois homens em uma moto, portando arma de fogo e anunciando assalto. Após a prisão de um deles, Natanael Portugal de Moraes, funcionário da loja de peças da vítima, foi informado que o assalto havia sido praticado com a participação da policial militar que foi presa em flagrante delito quando policiais encontraram em sua residência no dia 08/01/2009, por volta das 7h30min, um revólver cal. 38, sem marcas legíveis, tambor com capacidade para seis cartuchos, desmuniciado, além de um maçarico de corte, um capacete da marca samarino, sem viseira, cor vermelha, uma motocicleta marca honda, modelo bros, cor preta, placa NIG1990- PI, dentre outros.

A ex-PM Aglacy Nobre Arraes é apontada como uma das "cabeças" de uma quadrilha interestadual que praticava diversos tipos de crimes nos Estados do Piauí, Ceará e Maranhão.

Portaria de Expulsão


(Fonte: GP1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.