CIVITATE - INCENTIVADORES

NOTÍCIAS ON LINE

Loading...

quinta-feira, 2 de julho de 2009

POLICIAL MILITAR DO RAIO MORRE EM TIROTEIO

"Na noite desta quinta-feira (02/07), uma ação do Grupo Raio, da Polícia Militar do Ceará, no bairro Ellery, em Fortaleza - CE, resultou na morte do Soldado Francisco Cristiano Silva Santos, de 36 anos, policial militar há 15 anos. O bandido, Charles da Silva Góes, de 19 anos, também faleceu.

Os policiais do Raio faziam um trabalho de abordagem no bairro quando foram surpreendidos por dois homens em uma bicicleta. Os policiais pediram para eles pararem, mas não obedeceram e um deles, Charles, atirou contra Francisco Cristiano Silva Santos. O outro que estava na bicicleta fugiu.

Charles permaneceu no local, e ainda efetuou mais dois tiros no policial para certificar de que ele estava morto. Os outros policias reagiram e dispararam contra o bandido, que acabou morrendo.

Do lado do corpo de Charles da Silva Góes, foram encontradas três cápsulas de balas e a arma que executou Francisco Cristiano Silva Santos . O policial ainda foi socorrido e levado ao Instituto José Frota (IJF), mas não resistiu."

(Fonte: TJonline e Diário do Nordeste)

3 comentários:

  1. SERÁ QUE ESTA ESCALA EXTRESSANTE DE 6X1 NÃO CONTRIBUIU PARA ESSA MORTE? POLICIAL ESPOSTO AO ESFORÇO FISICO E MENTAL, PERDE REFLEXOS IMPORTANTES QUE PODEM SER FATAL NA PROFISSÃO ÁRDUA DE POLICIAL MILITAR!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. È POR ISTO QUE DEVEMOS NOS UNIR, COM BASE NA C.F DE 1988, PARA MOSTRAR A POPULAÇÃO QUE O POLICIAL ESTA TRABALHANDO MAIS DO QUE SE É EXIGIDO PELA LEI.
    POR UMA ASSOCIAÇÃO A NIVEL NACIONAL.

    ResponderExcluir
  3. Muito bem meus camaradas..nao sei qual a realidades de atuaçao dos senhores nem acredibilidade dos mesmo perante o comando mais tenho certeza deve ser o melhor possivel..entao resta busacar que o comando lhes deem o devido respeito...machadoaguia@hotmail.com (ESQUADRÃO AGUIA.. BME PMMA..um abraço....

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.